Monges Shaolin: os mais poderosos guerreiros budistas

Descubra como os monges do Templo Shaolin resistiram ao tempo mesclando religião e artes marciais

Os monges Shaolin são os mais famosos da China, reconhecidos por suas técnicas de luta que demonstram força, flexibilidade e resistência física. A origem de seu templo tem cerca de 1.500 anos. De acordo com as lendas, um professor budista peregrinou da Índia à China em 480 d.C. com o objetivo de espalhar ensinamentos budistas. Buddhabhadra, mais conhecido como Batuo, acreditava que a melhor forma de transmitir os ensinamentos era de mestre para aluno, em vez da simples leitura dos textos sagrados.

Batuo recebeu fundos do Imperador Xiaowen da Dinastia Uei do Norte (386 – 535) para construir um monastério no sagrado Monte Shaoshi, na cordilheira Song. O templo foi chamado de Shaolin: “Shao” homenageia o Monte onde foi construído, enquanto “lin” significa “bosque”. O local recebeu a visita de muitos imperadores chineses que buscavam a filosofia budista.

Uma das entradas do Templo Shaolin
Uma das entradas do Templo Shaolin

Uma das particularidades da tradição Shaolin é o treinamento árduo em artes marciais como forma de aprofundamento nos ensinamentos de Buda. O templo recebia estudantes de vários lugares interessados em aprender as famosas técnicas de luta desenvolvidas pelos monges, reconhecidos como os mais poderosos guerreiros entre os budistas. No vídeo abaixo, você pode ver como é o treinamento e o teste final para que um monge Shaolin se torne mestre (em inglês):

Shaolins são ensinados desde pequenos a seguir o código filosófico criado pelo monge Kwok Yuen, que viveu entre as dinastias Yuan e Ming. As 10 normas são:

1 – Treinar ininterruptamente

2 – Usar técnicas somente para a defesa pessoal

3 – Respeitar os superiores

4 – Ser honesto e sempre demonstrar cordialidade

5 – Evitar demonstrações de lutas

6 – Nunca ser agressivo ou demonstrar maneiras rudes

7 – Jamais comer carne ou provar bebidas alcoólicas

8 – Conter impulsos sexuais

9 – Jamais ensinar técnicas às pessoas que não são budistas

10 – Evitar a cobiça e a agressividade

Monges Shaolin demonstram técnicas de luta - Foto: Cancan Chu / Getty
Monges Shaolin demonstram técnicas de luta – Foto: Cancan Chu / Getty

O Templo Shaolin passou perto da destruição completa em alguns momentos na história. Esses eventos obrigaram os monges a fugirem inúmeras vezes, o que contribuiu para a difusão de seus ensinamentos. O último episódio aconteceu durante a Revolução Cultural Chinesa, que resultou na destruição de muitos textos e tesouros do local, e na prisão de mestres e discípulos em nome do ateísmo.

O ator Jet Li no filme “O Templo Shaolin”, de 1982
O ator Jet Li no filme “O Templo Shaolin”, de 1982

A história do templo e a cultura dos monges ganharam fama mundial com o filme “O Templo Shaolin”, estrelado pelo ator Jet Li. As táticas de luta dos monges, antes usadas para defesa e sobrevivência, atravessaram fronteiras e são responsáveis por atrair milhões de turistas ao local.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Veja também

Qigong

Qigong, Chi Kung ou Kikō são exercícios corporais da Medicina Tradicional Chinesa. Com a finalidade de estimular e promover a circulação de energia, a técnica promove o bem estar e o equilíbrio energético.