O simbolismo da bandeira da China

O atual estandarte foi criado em 1949 e reúne características marcantes da cultura chinesa

A bandeira da China possui características que representam a cultura e os valores de seu povo. O design atual foi estabelecido em 1949, quando foi fundada a República Popular da China. O formato retangular e a cor vermelha vibrante foram duas das exigências para a criação do estandarte. Conheça nesta matéria a história da bandeira chinesa!

O Comitê Preparatório da Nova Conferência Consultiva Política de 1949 publicou nos jornais uma convocatória para a criação da nova bandeira nacional. A lista de requerimentos continha os seguintes itens:

  1. Características do povo chinês (geografia, história, cultura, etc.);
  2. Características de poder (governo democrático popular, liderado pela classe trabalhadora e baseado na aliança trabalhador-camponês);
  3. Deveria ser retangular e a relação comprimento-largura deveria ser de 3:2;
  4. O vermelho brilhante deveria predominar na peça.

O designer que criou a versão escolhida foi o economista Zeng Liansong. Zeng inspirou-se nas estrelas e no provérbio chinês “espero pelas estrelas desejando a lua”. Ele imaginou o Partido Comunista como “o grande salvador”, representando-o como a estrela maior. A inspiração para as estrelas menores foi um discurso de Mao Zedong, que definiu o povo chinês em quatro classes: a classe trabalhadora, o campesinato, a pequena burguesia urbana e a burguesia nacional. O novo estandarte nacional foi erguido na Praça da Paz Celestial no dia 1 de outubro de 1949, marcando a formação da República Popular da China por Mao.

Hasteamento da nova bandeira na cerimônia de fundação da República Popular da China, realizada na Praça da Paz Celestial
Hasteamento da nova bandeira na cerimônia de fundação da República Popular da China, realizada na Praça da Paz Celestial

A ascensão da República Popular da China

 

O vermelho vivo predominante na bandeira é carregado de significados na tradição chinesa. A cor é relacionada ao fogo e representa felicidade e prosperidade. O vermelho é amplamente utilizado na celebração do Ano Novo Chinês e em outras comemorações. A cor amarela representa a nobreza e era reservada aos imperadores na Era das Dinastias. Os antigos estandartes chineses carregavam essa cor como símbolo de poder. No atual design da bandeira da China o tom é associado também à “terra amarela”, como o país costumava ser conhecido.

A junção das cores e das estrelas de diferentes tamanhos simboliza a revolução e a unidade do povo chinês sob liderança do Partido Comunista. A elipse formada pelas estrelas representa o território da China, que tem a forma de uma folha de begônia.

 

Descubra o significado das cores na China!

 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Veja também

Gastronomia

Com mais de cinco mil pratos típicos, a gastronomia chinesa se destaca pela variedade dos sabores. Bem estar e bom gosto fazem desta culinária um exemplo de equilíbrio dos alimentos.