24 de abril de 2019

Frente Parlamentar Brasil, China, Coreia e Japão fortalece representatividade da comunidade asiática em São Paulo

O lançamento da Frente Parlamentar da Cooperação Política e Cultural entre Brasil, China, Coreia e Japão acontece no dia 07 de maio, no Salão Nobre da Câmara Municipal. O projeto é da vereadora Soninha Francine e tem como objetivo estreitar as relações entre os países do bloco e promover a diversidade cultural e política em São Paulo.

O Ibrachina integra a Frente Parlamentar da Cooperação Política e Cultural entre Brasil, China, Coreia e Japão que será lançada no dia 07 de maio, no Salão Nobre da Câmara Municipal.

Instituída através do Projeto de autoria da vereadora Soninha Francine e constituída pelos vereadores Caio Miranda (PSB), Ota (PSB), George Hato (MDB), Janaína Lima , Mario Covas Neto (Podemos) e Dr. Milton Ferreira (Podemos), a Frente pretende estreitar as relações entre os países do bloco e promover a diversidade cultural e política em São Paulo.

É notável a força das comunidades asiáticas na cidade de São Paulo, destino escolhido por milhares de japoneses, chineses e coreanos para construírem suas histórias. A contribuição dos imigrantes foi decisiva para o seu desenvolvimento econômico e político. A comunidade asiática passa a ter maior representação política no município com a participação de pessoas das próprias comunidades.

As relações entre o Brasil e outros países do continente Asiático têm se fortalecido, especialmente no cenário do comércio internacional. A China é a principal fonte de investimento no país, o maior comprador das exportações brasileiras e o seu principal fornecedor de produtos importados.

O Japão tem uma história centenária de parceria com o Brasil. Em 2016, o Japão figurou como o terceiro principal parceiro comercial do Brasil na Ásia e o sétimo no mundo. Segundo o Consulado Geral do Japão em São Paulo, são mais de 1,5 milhão de descendentes de japoneses no Brasil, 400 mil somente em São Paulo.

O Brasil é o único país latino-americano que possui Embaixadas residentes nas duas Coreias. Além da parceria comercial que existe desde 1959, a cidade de São Paulo abriga mais de 50 mil coreanos e seus descendentes.

Siga o Ibrachina nas redes sociais e fique por dentro das novidades.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas

Observatório do Coronavírus #119

Prefeitura de São Paulo prorroga quarentena na capital paulista por mais 15 dias; Parques temáticos europeus começam a reabrir e Disney Flórida anuncia que receberá visitantes a partir de julho

Observatório do Coronavírus #118

Correios do Brasil e da China firmam acordo para viabilizar transporte marítimo de encomendas; Brasil torna-se o 5º país com mais óbitos em decorrência da COVID-19

Foto de capa: Rahel Patrasso/Xinhua

Observatório do Coronavírus #117

Brasil integra iniciativa da OMS para facilitar acesso à tecnologia no combate à COVID-19; SP registra recorde de infecções 24 horas após anunciar regras de flexibilização da quarentena