Ibrachina reúne especialistas no evento sobre “Blockchain e Criptomoedas”

30 de agosto de 2018

Ibrachina reúne especialistas no evento sobre “Blockchain e Criptomoedas”

O evento reuniu especialistas no tema como Courtnay Guimarães, a professora Drª. Maria Eugênia Finkelstein e Breno Sperandio

“Blockchain e Criptomoedas” foi o tema da palestra realizada pelo Instituto SocioCultural Brasil/China – Ibrachina ontem, 29 de agosto. O evento reuniu especialistas no tema como Courtnay Guimarães, Economista, Cientista e Sócio Fundador da CGS Participações, a professora Drª. Maria Eugênia Finkelstein, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC-SP, e Breno Sperandio, gerente de Desenvolvimento de Novos Negócios da Coinbene.

O auditório lotou com as apresentações, que abordaram temas como “Cryptonomics & Blockchain Disruption: Market Update”, “O crescimento das Cryptocurrencies e o que são os ICOs?”, e “Criptomoedas Sob a Visão Comercial”.

A Drª. Maria Eugênia Finkelstein mostrou como funcionam as criptomoedas e a tecnologia do blockchain, apresentando o crescimento internacional deste mercado e os processos de ICO – Initial Coin Offering (Oferta Inicial de Moeda), usados para financiar o desenvolvimento de novas criptomoedas, levantar capital para que o projeto se torne realidade.

Courtnay Guimarães apresentou uma visão do mercado econômico global das criptomoedas, demonstrando as razões pelas quais o blockchain é uma tecnologia disruptiva que desafia conceitos e legislações tradicionais. Também falou de novas tecnologias e empresas que estão em desenvolvimento na China e sobre como tudo isso vai impactar no mundo inteiro.

Bruno Sperandio destacou os riscos e oportunidades de investir em criptomoedas, apresentando um cenário repleto de novas possibilidades sérias e possíveis golpes. Enfatizou a necessidade de atuar com empresas especializadas para fazer um investimento mais seguro.

Thomas Law, presidente do Ibrachina, ressaltou a importância do tema para a economia global e a necessidade de difundir mais conhecimentos sobre as inovações que estão desafiando o direito internacional.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas