22 jul 2021

Livro infantil “A menina que amava as plantas” conta a história da Nobel chinesa Tu Youyou

Lançado pela editora Cai-cai, a obra infantil “A menina que amava as plantas”, escrito por Xu Lu, e traduzido por Verena Veludo com ilustrações de Alice Coppini, conta a história de Tu Youyou. Pode ser que muitos não a conheçam, mas ela é farmacologista e educadora chinesa e ganhou o Nível de Medicina em 2015 graças a pesquisas sobre medicamento para a cura da malária.

Inspirado na história de Tu Youyou, o livro apresenta a personagem Pequena Youyou, uma garotinha que fica muito feliz ao observar as plantas, das menores ervas até as mais exuberantes árvores. Ao longo da trama, a obra mostra como essa paixão infantil transforma a vida da protagonista na cientista mais importante da sua época.
Estudando em laboratório as plantas que tanto admira, a personagem descobre a cura para a malária, uma doença mortal que apavora diversos países da Ásia, da África e da América do Sul.

Através de uma linguagem simples e das ilustrações feitas pela artista Alice Copponi, o livro retrata a importância de Tu Youyou, hoje com 90 anos, e que salvou a vida de milhões de pessoas ao redor do mundo com sua pesquisa científica e paixão pelas plantas.

Saiba quem é Tu Youyou:
Tu Youyou é uma farmacologista e educadora chinesa. Ela descobriu a artemisinina e a diidroartemisinina, usadas para tratar a malária, um avanço significativo na medicina tropical do século 20, salvando milhões de vidas no sul da China, sudeste da Ásia, África e América do Sul.
Em 2015, Tu YouYou ganhou o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina por seu trabalho. No discurso de premiação, ela fez questão de enfatizar que o resultado devia-se não só a ela, mas a toda a numerosa equipe de colaboradores. Ela foi a primeira cientista chinesa a receber o Prêmio Nobel em uma categoria científica.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas

Ibrachina e FIEB debatem possíveis parcerias

Além das potencialidades e oportunidades que a Bahia oferece para investidores, também foram analisadas possíveis parcerias com universidades e empresas para educação e qualificação de pessoas