28 de abril de 2020

Novo carregamento de insumos médicos comprados pela Vale na China chega ao Brasil

Avião com 2 milhões de máscaras cirúrgicas pousou na madrugada do último domingo (26/4) no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo

Mais um avião carregado com insumos comprados pela mineradora Vale na China para combater a disseminação do novo coronavírus pousou na madrugada deste domingo Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Na carga, estavam 2 milhões de máscaras cirúrgicas descartáveis e 410 mil aventais, que serão doados ao governo brasileiro.

Até agora, já chegaram 15,2 milhões dos 15,8 milhões de equipamentos de proteção individual que a Vale irá repassar ao Ministério da Saúde, além de 3,5 milhões de um total de 5 milhões de kits de teste rápido já anunciados pela empresa. A carga das sete aeronaves – dois de carreira e cinco cargueiros – soma quase 241 toneladas, o equivalente ao peso médio de quase 241 carros populares. O material foi distribuído em 20.055 caixas.

No total, a Vale irá trazer da China mais de 600 toneladas de insumos para ajudar no combate ao novo coronavírus no Brasil até maio. Soma-se à carga mais 5 milhões de kits, comprados por bancos brasileiros com a ajuda logística da empresa na China. Há ainda insumos – entre EPIs e kits – que serão entregues a unidades de saúde de regiões onde a Vale atua. Para trazer tudo, serão necessárias 15 aeronaves.

Fonte: Jornal Estado de Minas

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas

Foto: Andrea Rego Barros/PCR/Via Fotos Públicas

Observatório do Coronavírus #69

Brasil ultrapassa os mil óbitos em decorrência do coronavírus; ministro-conselheiro chinês afirma que China ofereceu envio de médicos ao Brasil para ajudar no combate à epidemia

Observatório do Coronavírus #181

Voluntários de SP começam a receber doses da vacina contra coronavírus desenvolvida pela chinesa Sinovac Biotec e pelo Instituto Butantan.