20 de outubro de 2020

Núcleo paraense da Coordenação Nacional das Relações Brasil-China da OAB toma posse no Ibrachina

Evento aconteceu no dia 16/10 na sede do Instituto e teve presença do presidente da OAB/PA, Dr. Alberto Antônio de Albuquerque Campos

A Coordenação Nacional das Relações Brasil China da OAB Nacional realizou no Ibrachina a cerimônia de posse dos integrantes do núcleo Pará.

Thomas Law, presidente do Instituto e da CNRBC/OAB, empossou os integrantes do núcleo, composto pelo Dr. Samuel Medeiros Rocha, como presidente e a Dra. Anne Vitória Santiago Morais do Nascimento, vice-presidente.

Prestigiaram o evento Dr. Alberto Antônio de Albuquerque Campos, presidente da OAB/PA, Dr. Alexandre Ogusuku, conselheiro da OAB/SP e presidente da Comissão Nacional de Prerrogativas, o vice-presidente da CNRBC/OAB, Sóstenes Marchezine, e o Dr. Deyvid Pereira, representante do Comitê de Crise do Congresso Nacional.

Participaram virtualmente o secretário nacional da OAB, Dr. José Alberto Simonetti, a Dra. Érika Oliveira de Alencar Silva, representante do Pará na Coordenação Nacional das Relações Brasil-China da OAB, o Dr. Aurelino Santos Junior, a deputada estadual Nilse Pinheiro, presidente da Frente Parlamentar de Cooperação Pará-China, e os deputados federais Eduardo Costa e Evair Vieira de Melo.

Confira mais fotos da cerimônia aqui!

O grupo fez uma visita ao Ibrachina Arena para conhecer as instalações e os projetos desenvolvidos pela entidade junto à comunidade.

 

Coordenação já empossou seis núcleos no Brasil

Este é o sexto núcleo da Coordenação a ser instaurado. Anteriormente, o Ibrachina sediou a posse dos núcleos do Amazonas, do Mato Grosso, do Acre, do Distrito Federal e do Espírito Santo – esta última, inclusive, foi destaque na imprensa chinesa.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas

TV Brasil entrevista presidente do Ibrachina

TV Brasil entrevista presidente do Ibrachina

Thomas falou sobre a importância da parceria comercial entre Brasil e China, perspectivas para o próximo governo e as oportunidades de crescimento para os dois países