29 de agosto de 2020

Observatório do Coronavírus #210

Número de óbitos por coronavírus no Brasil ultrapassa 120 mil. Instituto Butantan prevê 45 mi de vacinas contra COVID-19 no SUS até dezembro.

Foto de capa: Javier Soriano

O Brasil tem 120.025 mortes por coronavírus confirmadas até as 13h deste sábado (29), segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde. Desde o balanço das 20h de sexta-feira (28), 7 estados atualizaram seus dados: BA, CE, GO, MG, PE, RR E SP.

Entretanto, o país atingiu ontem a menor taxa de mortes pela Covid-19 desde o dia 21 de maio. A média móvel ficou em 887,6 casos, um pouco superior à de 864,9, registrada há mais de três meses. Com a média móvel é possível anular as variações diárias do registro feito pelos órgãos públicos de saúde. A conta é realizada a partir da soma do número de casos e mortes nos últimos sete dias, dividida por sete.

Foto: Instituto Butantan

Ontem, o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, compartilhou a previsão de que serão entregues 45 milhões de doses da vacina CoronaVac para o SUS (Sistema Único de Saúde) até dezembro deste ano. Essa vacina é desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac e está na última fase dos ensaios clínicos para a aprovação. 

“Asseguramos que em dezembro teremos 45 milhões de doses disponíveis para o SUS”, confirmou Dimas em coletiva de imprensa. “Podíamos integralizar esse volume até 60 milhões em março e 100 milhões em maio. Formalizamos essa possibilidade”, completou, sobre as perspectivas do Brasil no combate ao novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Foto: Virginie Clavieres

Dos sete potenciais imunizantes contra o novo coronavírus (SARS-CoV-2) em fase 3 em estudos clínicos, quatro deles são chineses. Inclusive, a China acaba de aprovar o segundo imunizante para uso emergencial, sendo que os dois já são estudados aqui no Brasil. Aprovação do uso emergencial de duas vacinas chinesas não significa que os imunizantes sejam seguros e eficazes contra o coronavírus. Isso acontece porque, diante da pandemia e dos mais de 800 mil óbitos pelo vírus do mundo, as autoridades de saúde locais optaram por adiantar o início da vacinação em alguns grupos específicos da população. É o mesmo caso da vacina russa.

Foto: AP

Wuhan, ‘marco zero’ da pandemia de covid-19 e cidade chinesa mais devastada pelo coronavírus, vai reabrir as escolas e creches na próxima quinta-feira, 03/09, de acordo com autoridades locais. Mais de 2,8 mil instituições educacionais da cidade devem reabrir as portas para quase 1.4 milhão de estudantes. A Universidade de Wuhan voltou a funcionar na última segunda-feira. A cidade disse que criou planos de emergência para retornar ao ensino online caso os níveis de risco de contaminação voltem a subir. Estudantes foram aconselhados a usar máscara no trajeto para a escola e a evitar transporte público quando for possível.

Foto: Thomas Peter/Reuters

A descoberta da presença do novo coronavírus no banheiro de um apartamento desocupado em Guangzhou, na China, sugere que o vírus pode ter percorrido os canos de esgoto por meio de pequenas partículas transportadas pelo ar. É o que disseram pesquisadores do Centro Chinês para Controle e Prevenção de Doenças em um estudo publicado na revista científica Environment International.

Em fevereiro, traços de SARS-CoV-2 foram detectados na pia e em torneiras de um apartamento vazio, que fica acima da casa onde moravam cinco pessoas confirmadas com Covid-19. Os cientistas realizaram “um experimento de simulação de rastreamento no local” e confirmaram a presença do vírus.

ACOMPANHE O STATUS DO CORONAVÍRUS EM TEMPO REAL

O gráfico oficial mais recente divulgado pelo Ministério da Saúde mostra que o número casos acumulados de pessoas infectadas pelo coronavírus no Brasil chega aos 43 mil em apenas 24 horas, em comparação com a avaliação feita no dia anterior. No site é possível ver também o número de óbitos e de pessoas recuperadas da COVID-19.
O panorama geral feito pela Universidade John Hopkins, dos EUA, mostra que foram identificados mais de 267 mil novos casos de infectados pelo coronavírus no mundo em apenas 24 horas. EUA lideram os rankings de confirmados, seguido pelo Brasil, com mais de 3,5 milhões de casos. Em relação ao número de óbitos, o Brasil ocupa atualmente o 2º lugar no ranking mundial, com quase 113 mil óbitos.

FAKE NEWS

Diariamente, o Observatório do Coronavírus publica esclarecimentos sobre as mais recentes fake news divulgadas nas redes sociais e aplicativos de mensagens. Confira:

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas