Dia Internacional dos Museus: instituições disponibilizam exposições e visitação virtual

Museus brasileiros e chineses realizam atividades virtuais que incluem visitação pelos ambientes para estimular a quarentena

Desde o início da quarentena obrigatória estabelecida por causa da pandemia, entidades culturais do mundo inteiro buscam soluções para estimular o bem-estar dentro do isolamento social. Entre as instituições que obtiveram sucesso neste segmento estão os museus. Tanto na China quanto no Brasil, eles disponibilizaram exposições completas e acervos, realizam atividades interativas com o público e oferecem até mesmo visitação pelos espaços internos. 

Este último item foi viabilizado pela maioria das instituições por uma parceria estabelecida com o Google Arts & Culture, que utiliza tecnologia semelhante a do Street View para mapear os espaços.

Entre os espaços chineses que disponibilizam estes recursos estão o famoso Museu do Palácio de Pequim, a Cidade Proibida e o Mausoléu de Qin Shihuang, onde fica o Exército de Terracota. No Brasil, o MASP, o Museu do Amanhã e o Museu Nacional – atingido por um incêndio em 2018 – fazem parte da lista. Confira:

 

Cidade Proibida/Museu do Palácio de Pequim

Mausoléu de Qin Shihuang/Exército de Terracota

  • Além de disponibilizar uma visita virtual pelos espaços internos, você poderá ver de perto algumas das icônicas estátuas que formam o misterioso exército de terracota.
  • Onde acessar: no site do museu

Museu de Xangai

  • O museu disponibiliza suas exposições de artigos de bronze, cerâmica, pinturas e caligrafias que proporcionam um banquete visual. É possível aproximar as imagens para ver detalhes dessa viagem profunda pela história e cultura chinesa.
  • Onde acessar: no site do museu

Museu de Guangdong

  • O museu disponibiliza muitas exposições que podem ser apreciadas online, com esculturas locais em madeira dourada e itens culturais preciosos, como caligrafia e cerâmica. 
  • Onde acessar: no site do museu

Museu Nacional

  • Aproximadamente 60% das áreas abertas à visitação foram incluídas neste acervo digital. O meteorito de Bendengó, artefatos indígenas e coleções de zoologia são alguns dos materiais disponíveis. O trabalho de captação foi realizado em 2017, um ano antes do incêndio que destruiu o edifício.
  • Onde acessar: no site do Google Arts & Cultura

Pinacoteca do Estado de São Paulo

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 500 itens e a incrível obra “Mestiço”, de Candido Portinari, em alta definição.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu do Amanhã

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 1.000 itens e cinco mostras, entre elas “Rios em Extinção”, “A Espécie Mais Perigosa do Planeta”, e “A Beleza Escondida da Matemática”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu de Arte de São Paulo – MASP

  • Além dos interiores do museu, você pode conferir mais de 1.000 itens e as mostras “Arte na moda: Coleção MASP Rhodia”, “Arte da Itália: de Rafael a Ticiano”, “Arte do Brasil até 1900”, “Arte da França: de Delacroix a Cézanne”, “Acervo em transformação”, “Histórias da Loucura: Desenho do Juquery”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu Nacional de Belas Artes

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 2.000 itens e 16 mostras, entre elas “Renina Katz”, “Portinari”, “Djanira: Cronista de ritos, pintora de costumes” e “O Espaço da Arte”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu Imperial

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 400 itens e três mostras, entre elas “Paisagem Petropolitana”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu da Imagem e do Som – MIS

  • Disponibiliza exposições virtuais, acervos online, cursos e bate-papos
  • Onde acessar: no site do MIS

Museu de Arte Moderna do Rio – MAM Rio

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 200 itens e as mostras “Fotografia Africana”, “Um Museu Carioca”e “Arquitetura e Construção”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM-SP

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 100 itens e 11 mostras, entre elas “A Arte de Expor Arte”, “Arte Brasileira Sobre Papel”, “Devoção” e “Faces do Desejo”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu da Imigração

  • Publicação de artigos da série “Hospedaria em Quarentena”, sobre a Hospedaria de Imigrantes do Brás em tempos de surtos epidêmicos
  • Onde acessar: no blog do museu 

Museu Histórico Nacional

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 200 itens e quatro mostras, entre elas “Rio de Leandro Joaquim”e “Figurinos de Sophia”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google 

Museu do Futebol

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 700 itens e 14 mostras, entre elas o “Museu do Impedimento”: projeto colaborativo que reúne histórias e memórias compartilhadas pelo público sobre as mulheres do futebol que ousaram jogar durante o período de proibição da prática desse esporte no Brasil, entre 1941 e 1979.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google

Museu do Café

  • Disponibiliza virtualmente a exposição “Calixto: discurso do progresso e identidade paulista”, que estava em cartaz no espaço físico do museu, e outras três.
  • Onde acessar: no site do museu 

CCBB-RJ

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 200 itens e sete mostras, entre elas “Los Carpinteros: objeto vital”e “Abraham Palatnik”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google 

Museu Afro Brasil

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 300 itens e 7 mostras, entre elas “O Espírito da África” e “O Maracatu e o Guerreiro de Alagoas: festividades afro-brasileiras”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google 

Museu da Diversidade Sexual

  • A partir de 25 de maio, você poderá visitar a exposição virtual “Queerentena”, com obras de artistas LGBTI+ que incentivam o debate acerca do momento de isolamento social que estamos vivendo devido à pandemia. A data também comemora o aniversário de oito anos do MDS, primeiro equipamento cultural da América Latina relacionado à temática.
  • Onde acessar: no site do museu 

Museu Catavento

  • Séries semanais de tours pelos principais espaços do museu e vídeos de experiências e curiosidades científicas
  • Onde acessar: nas redes sociais do museu.
  • Facebook: cataventocultural
  • Instagram: museucatavento
  • Twitter: Mcatavento
  • Youtube: “Museu Catavento”

Casa Guilherme de Almeida

  • Além de conhecer os interiores do museu na opção “Um pequeno grande museu”, você pode conferir mais de 90 itens expostos no local.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google 

Museu da Casa Brasileira

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 90 itens e o “30º Prêmio Design MCB”.
  • Onde acessar: no site do museu 

Museu Oscar Niemeyer

  • Além de conhecer os interiores do museu, você pode conferir mais de 600 itens e 9 mostras, entre elas “Ásia: a terra, os homens, os deuses” e “Irmãos Campana”.
  • Onde acessar: no site da iniciativa Google 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Veja também

Xinyiquan

Xinyiquan ou boxe da mente e forma, é um estilo de arte marcial chinesa. Também é conhecido como boxe dos cinco elementos ou wuxingquan.