A importância da agricultura na China

A importância da agricultura na China

O “celeiro do mundo” é responsável pelo abastecimento de grãos de boa parte da população mundial e realiza investimentos massivos no segmento

A agricultura é um segmento econômico de extrema importância para os chineses. A nação considerada essencialmente agrária concentra em torno de 7% das áreas cultiváveis do planeta. As plantações de arroz, trigo, milho, soja e tubérculos são base da alimentação de seus habitantes e de cerca de 20% da população mundial. Por todas essas qualidades, o país ficou conhecido como “celeiro do mundo”.

Há uma lenda sobre o surgimento da agricultura na China. O Imperador Shen Nong teria experimentado todas as plantas e ervas, até mesmo as venenosas. O monarca criou ferramentas para o cultivo, como o arado, e também inventou a primitiva técnica de queimada como forma de limpeza de terrenos para a plantação.

Shen Nong retratado em uma pintura de Guo Xu, 1503
Shen Nong retratado em uma pintura de Guo Xu, 1503

Os primeiros vestígios do cultivo de arroz na China datam de períodos pré-imperiais. Acredita-se que as atividades agrárias tenham começado por volta de 7500 a.C. A agricultura tornou-se então a principal atividade do país. A partir da fundação da República Popular da China em 1949, o setor recebeu investimentos governamentais massivos para modernização e automação. As reformas impulsionaram a economia do país.

Um poster da década de 1960 mostra uma fazendeira e seu trator, símbolo da modernização no campo
Um poster da década de 1960 mostra uma fazendeira e seu trator, símbolo da modernização no campo

A população rural diminuiu no início do século XXI, mas ainda há muitas províncias que continuam majoritariamente agrárias. O governo chinês lançou programas de melhorias para produtores com foco na diminuição das diferenças entre a vida urbana e a rural, além do suporte na inovação e tecnologia. Além disso, fazendeiros também recebem subsídios governamentais como incentivo.

Campos de cultivo de arroz da província de Yunnan
Campos de cultivo de arroz da província de Yunnan

O Museu da Agricultura da China que fica em Pequim retrata toda a história agrícola do país através de cenários cuidadosamente montados com esculturas de cera, pinturas e instrumentos cuidadosamente restaurados e preservados.

 

Planeje sua primeira viagem à China!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Veja também

Xinyiquan

Xinyiquan ou boxe da mente e forma, é um estilo de arte marcial chinesa. Também é conhecido como boxe dos cinco elementos ou wuxingquan.