25 de setembro de 2020

Sessão solene celebrará o primeiro Dia do Ibrachina

Solenidade acontece no dia 01/10 na Câmara Municipal dos Vereadores de São Paulo e marca também o Festival da Lua

Foto: Xinhua/Mao Siqian

No próximo dia 01/10, uma sessão solene na Câmara Municipal dos Vereadores de São Paulo marca o primeiro Dia Municipal de Comemoração Sociocultural Ibrachina e o Festival da Lua. A data foi instituída em 2019 pela Lei 17.197, de autoria da vereadora Adriana Ramalho. O evento será transmitido ao vivo, a partir das 18h, pelo canal do Ibrachina no YouTube. Confira a programação:

O Dia do Ibrachina reconhece a importância da cultura chinesa em São Paulo e comemora os fortes laços entre Brasil e China, reforçando a integração entre os povos das duas nações. A celebração inserida no calendário de eventos oficial de São Paulo sempre será realizada na mesma data do Festival da Lua, importante celebração chinesa, como símbolo dessa relação.

O Festival da Lua é celebrado no 15º dia do 8º mês do calendário lunar – entre setembro e outubro. Em 2020, o evento acontece no dia 1 de outubro. A comemoração nasceu nas áreas rurais do país: os antigos imperadores e os trabalhadores do campo agradeciam à lua cheia do outono pela boa colheita. Diversas lendas surgiram a partir deste costume. A mais famosa delas fala sobre o arqueiro Hou Yi e sua esposa Chang’e.

Uma antiga pintura retrata o voo de Chang’e em direção ao Palácio Lunar

Tradicionalmente, as famílias costumam se reunir para jantar, apreciar a lua e soltar no ar as tradicionais lanternas de papel. As pessoas também compartilham alguns quitutes típicos, como o yuèbǐng (“bolo lunar” em tradução literal). O bolo assado tem formato redondo – que simboliza a união – e envolve um recheio denso e adocicado.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Notícias relacionadas